[Sugestão] – Semana Jornada do Brincar, ferramentas de transformação da criança

O momento da brincadeira é uma oportunidade de desenvolvimento para a criança. Através do brincar ela aprende, experimenta o mundo, possibilidades, relações sociais, elabora sua autonomia de ação, organiza emoções. Ás vezes os pais não tem conhecimento do valor da brincadeira para o seu filho. A idéia muitas vezes divulgada é a de que o brincar seja somente um entretenimento, como se não tivesse outras utilidades mais importantes.

Através do jogo, a criança compreende o mundo à sua volta, aprende regras, testa habilidades físicas, como correr, pular, aprende a ganhar e perder. O brincar desenvolve também a aprendizagem da linguagem e a habilidade motora. A brincadeira em grupo favorece alguns princípios como o compartilhar, a cooperação, a liderança, a competição, a obediência às regras. O jogo é uma forma da criança se expressar, já que é uma circunstância favorável para manifestar seus sentimentos e desprazeres. Assim, o brinquedo passa a ser a linguagem da criança.

 

Jornada do Brincar - inscrições

Clique a inscreva-se no Jornada do Brincar!

A importância dos pais no BRINCAR

Os pais têm um papel fundamental no que respeita à preparação dos espaços, à seleção dos brinquedos e dos contextos a serem explorados, proporcionando à criança um ambiente de qualidade e enriquecedor da imaginação infantil, que estimule as interações sociais com outras crianças, familiares e amigos. Importa lembrar que enriquecedor não significa proporcionar brinquedos caros, mas meios que permitem a exploração de diferentes linguagens como a musical, corporal, gestual, escrita.

O adulto pode e deve participar na brincadeira, uma vez que o seu envolvimento não só estreita os laços afetivos com a criança como também aumenta o seu nível de interesse e motivação. Na interação, o adulto tem oportunidade de conter e ajudar a criança na elaboração das inquietações que surgirem durante a brincadeira, bem como enriquecer e estimular a imaginação da criança, despertando-lhe ideias e questionando-a para a descoberta de soluções.

“A brincadeira é universal e é própria da saúde: o brincar facilita o crescer, logo a saúde”. Winnicott (1975)

Por isso, sempre que lhe seja possível, brinque muito com o seu filho e conceda-lhe uma boa parte do dia para ele brincar! Dessa forma, estará a promover o seu crescimento feliz e saudável!


Leia também:


Evento Jornada do Brincar

O tema central dessa Jornada do Brincar será: “Ferramentas de transformação da criança hoje e amanhã”, será um evento totalmente online e gratuito, com mais de 25 palestras. As palestras serão transmitidas e vendidas no período de 16/10 a 20/10/2017. Os principais objetivos desta edição são:

– Refletir sobre a importância do brincar para o desenvolvimento da criança como um todo, com maior enfoque no ambiente escolar;

– Permitir com que profissionais e pais tenham acesso a conteúdo atual e com embasamento teórico-prático sobre o brincar;

– Fornecer conteúdo prático de forma a favorecer que profissionais e pais apliquem o que foi discutido e aprendido durante a jornada no seu dia-a-dia;

– Favorecer com que haja uma atuação conjunta entre educadores, cuidadores e pais, no sentido de entender a importância do brincar dentro do desenvolvimento e nas diferentes esferas da vida da criança e sua formação como cidadão.

Conteúdo teórico-prático atual e de qualidade em um só lugar, para quem quer ampliar seu conhecimento e obter mais ferramentas que poderão mudar o seu dia-a-dia como pai ou profissional da área de educação.

Inscrições Jornada do Brincar

Aprenda ferramentas de transformação através do brincar. Clique AQUI!

Inscrições

Para se inscrever, é muito fácil! Você só precisa deixar seu email nessa página AQUI  e aguardar o recebimento dos emails com os avisos de que a Jornada irá começar!

E enquanto você aguarda a Jornada, que tal compartilhar o evento com seus amigos e familiares?

COMPARTILHAR EVENTO → (http://bit.ly/2ylioMR)

*Autor: Leandro Ziotto, pai do Vinícius e co-fundador do 4daddy.

Facebook Comments